Comemorar em Outubro



Aniversário de Rosmary Moraes de São Carlos-SP
Dia do Normalista
Dia do Professor

O ser humano torna-se aquilo que acredita ser...

Artigos Espíritas

Áudios em MP3

Textos em PDF

Curiosidades

Cursos

Diversão

Espiritismo

Geografia

Informática

Novidades

Religiosidade

Serviços

Localizar nesta página


Conectados


Estatística das
visitas ao site!







Ondas

Veja a previsão de ondas na sua praia.



Tempo Brasil

Conheça detalhes da previsão para o Brasil



Aeroportos

Informe-se sobre a visibilidade nos principais aeroportos do país





Página Inicial Voltar Rodapé da página Avançar Atualizar Facebook do Edu Medeiros - Um Amigo do Bem Twitter do Edu Medeiros - Um Amigo do Bem YouTube Contato Imprimir Áudios dos Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato MP3 Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato PDF

Pirassununga - SP ,  Terça-feira, 15 de Outubro de 2019 - Boa tarde! - 16:15


edumedeiros.com     Internet
   

Cada um dá o que possui - 03/11/2012 - Edu Medeiros - Um Amigo do Bem



Há um apresentador de televisão brasileiro muito famoso, o qual costumava apresentar quadros em seu programa dominical focando a realidade com a utilização de câmeras escondidas, mostrando assim o verdadeiro potencial das pessoas, sejam esses potenciais negativos ou positivos.

Em uma dessas oportunidades ele se faz passar por um morador de rua.

Estava trajando roupas velhas e passando a imagem de um mendigo.

Fez parte do convívio de um determinado grupo de pessoas extremamente carentes e ao sentir fome pediu ajuda, fato que foi prontamente atendido, pois havia entre aqueles mendigos um que colocou a mão no bolso e falou que aqueles poucos reais era tudo o que ele tinha vida, mas se fosse para matar a fome daquele que pedia ajuda, então que o dinheiro fosse utilizado para comprar comida, uma vez que naquele dia específico estava difícil obter sequer um copo d'água, dirá um prato de comida.

O apresentador disfarçado de mendigo aceitou a oferta que havia sido dada de coração e foi comprar um prato de comida. Depois informou ao mendigo caridoso que era o apresentador de televisão fulano de tal e que o fato de haver sido dado tudo o que possuía ia ser apresentado em seu programada de televisão.

No fim das contas aquele mendigo que fez o gesto de caridade acabou sendo reconduzido para a sua família na cidade de Recife-PE e acabou ainda ganhando uma casa mobiliada e a oportunidade de um emprego na sua terra natal.

Moral da história: vale a pena se libertar das coisas materiais, pois a Providência Divina dá um jeito em produzir sensações que possam transmitir a paz e a serenidade, como também a lógica da dignidade.

Bem, falou-se de uma atitude que culminou no desapego das coisas materiais, pois apesar de pouco dinheiro, devemos lembrar que era todo o dinheiro que aquele mendigo possuía na vida.

Falar em dar tudo o que tem não é a saída, pois há a necessidade da higiene, como também de que sejam produzidas boas condições para que uma determinada ação, principalmente altruísta, possa ser colocada em prática com toda a sua plenitude.

Pode até parecer difícil, mas quem sabe a gente não consiga imitar pessoas que se desapegaram do materialismo, como é o caso de São Francisco de Assis, do Dr. Bezerra de Menezes e também de Chico Xavier e de tantos outros que enxergaram no materialismo algo que deva ter seu convívio na premissa que possa sim ser produzido conforto e paz, mas não como único e exclusivo sentido para a vida.

Esse detalhe torna-se essencial para poder lidar com a dificuldade por que passam pessoas do nosso convívio ou da nossa família, pois aceitar a ideia de desprender-se das coisas materiais nada mais é do que colocar em voga o discernimento para o verdadeiro valor das coisas, pois tudo tem preço, mas dificilmente encontra-se o valor verdadeiro.

Fica a sugestão para que dentro das possibilidades cada um faça Caridade.

Finalizo com uma estória que diz que um homem rico descobriu que era o aniversário de um homem pobre. Então mandou que fosse colocado restos de comida e lixo em uma bandeja e depois que fosse entregue ao homem de poucas posses. Esse por sua vez recebeu a bandeja, retirou o lixo e os restos de comida, lavou-a e depois a encheu de frutas saborosas da época, adornou com rosas e escreveu em um cartão destinado ao homem rico escrevendo que agradecia pelo "presente" que lhe havia sido ofertado e que pedia desculpas por não devolver a bandeja com o mesmo tipo de presente, pois cada um dá o que possui.

Edu Medeiros - Um Amigo do Bem, 03/11/2012.



Você está aqui -> Inicial | Artigos | Cada um dá o que possui - 03/11/2012 - Edu Medeiros - Um Amigo do Bem









(Clique aqui para adicionar esta página aos seus favoritos = Control (Ctrl) mais a tecla D)

Nome e versão do Navegador Internet: Desconhecido (other) 0


Página Inicial Voltar Rodapé da página Avançar Atualizar Orkut Facebook do Edu Medeiros - Um Amigo do Bem Twitter do Edu Medeiros - Um Amigo do Bem YouTube Contato Imprimir Áudios dos Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato MP3 Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato PDF



Filme Causa e Efeito (Trailer Oficial)


Novo equipamento pode salvar vidas dos motoqueiros - Vídeos - UOL Carros


Gentileza gera gentileza, inclusive no trânsito!


www.edumedeiros.com
Copyright © 2000-2019
[Edu Medeiros - Um Amigo do Bem]



Sites parceiros

Paracleto - O Consolador prometido por Jesus Cristo - Copyright © 2009-2019
Paracleto - O Consolador prometido por Jesus Cristo
Copyright © 2009-2019










Página Inicial Voltar Topo da página Avançar Atualizar Facebook do Edu Medeiros - Um Amigo do Bem Twitter do Edu Medeiros - Um Amigo do Bem YouTube Contato Imprimir Áudios dos Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato MP3 Artigos publicados no Jornal JC Regional de Pirassununga/SP em formato PDF


Cada um dá o que possui - 03/11/2012 - Edu Medeiros - Um Amigo do Bem